A
     
     
     
     
     
     
    - Atualizado em 06/03/2014 16h35

    Árbitro Márcio Chagas da Silva é vítima de racismo após partida em Bento Gonçalves

    Juiz apitou Esportivo e Veranópolis na quarta-feira e teve bananas atiradas contra seu carro

    Lucas Abati

     

    lucas.abati@rdgaucha.com.br

    Nélio Castaman

     

    nelio.castaman@rdgaucha.com.br

    Galeria de imagens

    O árbitro de Esportivo e Veranópolis, Márcio Chagas da Silva, foi vítima de racismo após o jogo disputado na quarta-feira (5) na Montanha dos Vinhedos, em Bento Gonçalves. 

    Em entrevista ao programa Sala de Redação de hoje, o árbitro relatou que foi ofendido desde o início da partida. “Alguns torcedores manifestaram de forma racista, como macaco, teu lugar é na selva e volta pro circo”, lamentou. 

    Ao final do jogo, Márcio Chagas se dirigiu ao estacionamento privativo do clube, onde só a equipe de arbitragem e funcionários do clube têm acesso, e encontrou seu carro com a lataria arranhada e bananas em cima do veículo.

    Segundo o árbitro, os jogadores do Esportivo ainda disseram que esse tipo de atitude é comum quando o time não está em boa fase. Márcio Chagas da Silva registrou o acontecimento em súmula.

    Áudios
     
    Comentários