A
     
     
     
     
     
     
    - Atualizado em 09/09/2015 17h30

    Baliza reprova 52% dos candidatos a motorista em Porto Alegre

    Estudo do Detran mostra que, em todo o Estado, 78% dos candidatos foram aprovados dentro do período de um ano

    Foto: Porthus Junior /Agencia RBS

    O Detran divulgou um estudo sobre os índices de reprovação nas provas práticas de direção para automóveis, a chamada “categoria B”. Segundo o levantamento, mais da metade dos candidatos de Porto Alegre foram reprovados na baliza.

    Foram analisados os dados de 221.506 mil candidatos no Estado, que tiveram o prazo entre julho de 2013 e junho de 2014 para realizarem as aulas e que fizeram provas em até um ano da data de abertura do serviço.

    Além disso, foram feitas 158 entrevistas de candidatos à habilitação em Porto Alegre. A supervisão dos exames na Capital apontou que mais da metade dos candidatos (83) analisados foi reprovada na baliza. Outros 47 foram reprovados no percurso.

    Entre as falhas mais comuns verificadas na baliza estiveram falta do pisca alerta, bater na baliza, apagar o veículo, distância maior de 50 cm e tempo maior que 4 minutos. 

    O estudo também concluiu que 78% dos candidatos eram aprovados dentro do período de um ano. Destes, 45% foram aprovados na primeira tentativa e 15% na segunda tentativa. Os índices de aprovação nas provas práticas foram melhores entre os homens (87,3%), os jovens (87,7%) e entre os candidatos com Ensino Superior Incompleto (83,4%).

    O Detran estuda a criação de um mecanismo legal que impeça o candidato de realizar a prova sem o aval do instrutor, como uma série de provas simuladas antes do exame final, para evitar que o candidato tente passar mesmo sem saber dirigir.

    Gaúcha
     
    Comentários