A
     
     
     
     
     
     
    - Atualizado em 21/04/2017 14h41

    Centro de Atenção ao Migrante recebe R$ 280 mil em recursos federais para ações na Serra

    O valor será utilizado para promover cursos de capacitação e também no atendimento jurídico e psicológico aos imigrantes

    O Centro de Atenção ao Migrante (CAM) de Caxias do Sul recebeu R$ 280 mil em recursos federais para ações na região. Com esse dinheiro, serão promovidos cursos de capacitação e também no atendimento jurídico e psicológico aos imigrantes.

    A verba foi obtida pelo CAM através de edital junto ao Ministério da Justiça. O recurso já estava confirmado desde o final do ano passado. No entanto, conforme a coordenadora do CAM, Irmã Maria do Carmo Santos Gonçalves, por questões burocráticas, a parceria com o Ministério da Justiça só foi formalizada após o Carnaval.

    Alguns profissionais, incluindo um advogado e uma psicóloga, já foram contratados para a organização do projeto, intitulado "Imigrantes em Terra de Migrantes". Também deverão ser contratados professores para ministrar cursos de português para os estrangeiros.

    O projeto prevê ainda cursos de capacitação profissional. Entre os cursos previstos, estão os de soldagem, mecânica automotiva, hidráulica e cálculo. Também haverá cursos de capacitação voltados especificamente a mulheres; entre eles os de cabeleireira, manicure, cuidados com idosos e costura industrial. Ainda estão previstas oficinas e distribuição de material informativo sobre temas como violência doméstica e racismo.

    Com isso, o CAM pretende aprimorar a integração social dos imigrantes e prevenir situações de violência e xenofobia, que é a rejeição ao estrangeiro. O projeto vai ocorrer nos municípios de Caxias do Sul, Bento Gonçalves, Nova Araçá, Serafina Corrêa e Flores da Cunha. Os cursos de qualificação profissional serão todos em Caxias. Os outros municípios poderão ter cursos de português.

    O CAM irá contratar empresas para ministrar os cursos de capacitação. Conforme a irmã Maria do Carmo, a previsão é de que os primeiros cursos iniciem em maio. O CAM ainda irá divulgar os cursos disponíveis e as formas de inscrição.

    Gaúcha
     
    Comentários