A
     
     
     
     
     
     
    - Atualizado em 17/02/2017 20h47

    Funcionários dos Cras de Porto Alegre estão sem receber salário

    Ao todo, 39 entrevistadores sociais – que trabalham em 22 Cras – não receberam o pagamento

    Funcionários dos Centros de Referência de Assistências Social (Cras) de Porto Alegre ainda não receberam os salários referentes ao mês de janeiro. Ao todo, 39 entrevistadores sociais – que trabalham em 22 Cras – não receberam o pagamento.

    Segundo o diretor da Lazari Apoio Educacional Ltda, Tiago Feron, há atrasos nos repasses por parte da prefeitura do montante referente ao mês de fevereiro. Conforme Feron isso gera atraso no pagamento dos salários dos entrevistadores sociais. A Lazari iniciou a prestação de serviço em novembro de 2016.

    A Fundação de Assistência Social e Cidadania (Fasc) reconhece que há atraso nos pagamentos da empresa Lazari , contratada por meio de licitação para prestar o serviço. Ainda de acordo com a Fasc, o pagamento feito será o mais breve possível, mas não há uma data.

    Não há paralisação total, mas alguns trabalhadores não estão comparecendo aos centros. Com isso, alguns serviços podem ser afetados – como Cadastro Único para programas sociais, incluindo o Bolsa Família.  Não há informações sobre números de pessoas atingidas.

     

    Gaúcha
     
    Comentários