- Atualizado em 20/03/2017 18h32

Homem é morto a tiros na Praça da Matriz, no Centro de Porto Alegre

Crime ocorreu em frente à Catedral Metropolitana e a poucos metros do Palácio Piratini

Foto: Anderson Fetter /Agencia RBS

Um homem foi morto a tiros na Praça da Matriz, no Centro de Porto Alegre, por volta das 17h desta segunda-feira (20). O crime ocorreu em frente à Catedral Metropolitana e a poucos metros do Palácio Piratini, sede do governo do Estado.

A vítima foi identificada como Paulo Ricardo Camargo de Oliveira, 36 anos. Segundo relatos de testemunhas, ele morava em uma tenda na praça há cerca de dois meses.

Ainda de acordo com testemunhas, um jovem atirou ao menos quatro vezes contra o homem e, em seguida, fugiu correndo. O atirador ainda passou o revólver para outra pessoa – até o momento, ninguém foi preso.

“Testemunhas relataram várias cores para a camisa do atirador. Então, estamos buscando mais dados e imagens de câmeras de segurança”, afirmou o tenente-coronel Eduardo Amorim, comandante do 9ºBPM.

O crime foi próximo à área infantil da praça, onde crianças brincavam. O porteiro Diego Nunes estava com a filha no momento dos tiros.

“Eu estava com ela no balanço, quando vi um rapaz chegou e, simplesmente, sacou a arma e entrou na barraquinha do morador de rua. Eu só ouvi quatro estampidos. Foi o momento em que consegui pegar minha filha e sair correndo”, disse.

Uma moradora da região afirmou que a vítima morava com uma mulher e uma criança, e que trabalhava como guardador de carros. “Ele era gentil, cortês, abria a porta do carro para a gente e, aparentemente, não usava drogas”, contou.

A área está isolada para o trabalho da perícia.

Gaúcha
 
Comentários