A
     
     
     
     
     
     
    - Atualizado em 10/09/2015 19h22

    Julgamento sobre descriminalização de porte de maconha é suspenso

    Não há previsão para a retomada da votação

    Três ministros já votaram pela descriminalização

    Foto: Carlos Humberto /SCO/STF

    Mais um pedido de vista interrompeu, nesta quinta-feira (10), o julgamento sobre descriminalização do porte de drogas pelo Supremo Tribunal Federal (STF). Após os votos dos ministros Edson Fachin e Luís Roberto Barroso, a favor de descriminalização do porte da maconha, Teori Zavascki pediu mais tempo para analisar o assunto.

    Não há previsão para a retomada do julgamento.

    Até o momento, Gilmar Mendes, relator do processo, Fachin e Barroso votaram pela descriminalização. Os últimos dois, no entanto, entenderam que a decisão vale somente para o porte de maconha, que é o caso concreto que motiva o julgamento. Faltam os votos de oito ministros.  

    Agência Brasil
     
    Comentários