A
     
     
     
     
     
     
    - Atualizado em 08/09/2015 17h57

    Mesmo com liminar suspensa, bancos fecham as portas no RS

    Agências do Itaú não trabalharam com valores em espécie hoje

    Banco do Brasil da Praça da Alfândega manteve as portas fechadas aos correntistas nesta terça

    Foto: Marcus Bruno /Rádio Gaúcha

    Mesmo com a suspensão da liminar que previa o fechamento de bancos em caso de falta de policiamento, algumas agências tiveram restrição nesta terça-feira (8). Em Porto Alegre, agências do Itaú funcionaram sem dinheiro em espécie por algumas horas, inclusive as de shoppings, e pelo menos uma agência do Banco do Brasil, a da Praça da Alfândega, não abriu.

    Em Alvorada e Viamão, alguns bancos também não abriram, mas o Sindicato dos Bancários não informa quais se mantiveram fechados, por uma questão de segurança. A Federação dos Trabalhadores em Instituições Financeiras do Rio Grande do Sul explica que a orientação de fechar ou restringir atendimento é da gerência de cada agência.

    Na última sexta-feira, o Tribunal Superior do Trabalho determinou a reabertura de agências e postos bancários do Rio Grande do Sul, invalidando a liminar do Tribunal Regional do Trabalho da 4ª Região que previa fechamento em casos de falta de policiamento ostensivo, em função da paralisação dos servidores da segurança.

    Conforme a decisão, o funcionamento de uma agência é de responsabilidade da instituição financeira, fato que independe de apoio da Segurança Pública, já que os bancos possuem inúmeros dispositivos de segurança.

    Gaúcha
     
    Comentários