A
     
     
     
     
     
     

    Moradores de Bento Gonçalves criam suporte sanitário para reduzir uso da descarga

    Piipee promete ajudar a economizar água potável

    Ezequiel, Ariane e Bruno são os criadores do Piipee

    Foto: Divulgação

    Três jovens de Bento Gonçalves, na Serra Gaúcha, desenvolveram um suporte sanitário que promete reduzir o uso da descarga. O produto, que ganhou o nome de Piipee, libera uma solução biodegradável quando acionado. O líquido, composto por perfumes, solventes naturais e óleos de pinho e eucalipto, elimina o odor da urina tornando, assim, desnecessário o uso da descarga a cada ida ao banheiro. O suporte é acoplado na borda do vaso sanitário e na parede do banheiro. Um pequeno cano faz a ligação entre as duas partes.

    Ezequiel Vedana da Rosa, 26 anos, um dos criadores do Piipee, conta que a ideia surgiu há quatro anos. Preocupado com a grande quantidade de água potável utilizada para eliminar a urina, ele desenvolveu o suporte em parceria com dois amigos, Ariane Pelicioli e Bruno Rafael da Silva. Ezequiel ressalta que o produto não descarta de vez o uso da descarga:

    "O propósito do Piipee é evitar o consumo excessivo da descarga. Não é que a pessoa nunca mais vai acionar a descarga. Das cinco vezes que ela vai no banheiro num dia, se dessas quatro for para urinar, nessas quatro a gente quer economizar e reduzir o consumo. Ao invés de acionar o botão da descarga, vai acionar o Piipee que, por sua vez, vai acionar na bacia sanitária o spray".

    As vendas começam em janeiro, mas interessados já podem se cadastrar para compra no site piipee.com.br. O suporte custará R$ 35 e o refil, R$ 6. Cada refil terá capacidade de 250 acionamentos. 

     
    Comentários