A
     
     
     
     
     
     
    - Atualizado em 17/06/2017 12h35

    Primeira-dama de Caxias começará a atuar como voluntária na Apae nesta segunda (19)

    Desde o início do ano, a instituição não recebe uma verba extra do município de 188 mil

    A primeira-dama de Caxias do Sul, Andrea Guerra, fará atendimento voluntário de fonoaudiologia na Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae) nas segundas-feiras, das 13h30 às 17h. O trabalho começará nesta segunda (19). 

    Conforme Andrea, na quinta-feira (22) uma fisioterapeuta iniciará o atendimento voluntário. Tanto a primeira-dama como a fisioterapeuta fizeram os encaminhamentos para o trabalho junto à ONG Parceiros Voluntários, procedimento padrão para todos que desejam trabalhar como voluntários na Apae.

    Desde o início do ano, a Apae não recebe uma verba extra do município de 188 mil. Em 2013,  a Câmara de Vereadores de Caxias aprovou projeto de repasse de R$ 188 mil por ano do município à Apae por um período de três anos. O convênio venceu no final do ano passado e não foi renovado.  Esse dinheiro era utilizado para o pagamento de fonoaudiólogos e fisioterapeutas. A prefeitura repassa outros valores à Apae por meio da Fundação de Assistência Social, mas o dinheiro é utilizado em outras atividades da entidade.

    O serviço de fisioterapia ainda está sendo oferecido, mas a direção da entidade não sabe até quando conseguirá manter o serviço. A prefeitura afirmou que estava fechando uma parceria com o Centro Universitário da Serra Gaúcha, a FSG, mas o convênio ainda não está formalizado. 

    Já o serviço de fonoaudiologia, que deixou de ser oferecido no final do ano passado, contava com dois profissionais contratados pela entidade. Eles atuavam 20 horas por semana. Um de manhã e outro à tarde. Cerca de 30 bebês eram atendidos.

     

    Gaúcha
     
    Comentários