A
     
     
     
     
     
     

    Técnicos do RS tentam renegociar R$ 2,5 bi em dívidas com o Tesouro Nacional

    Eles tentam ampliar os prazos e reduzir os juros

    Técnicos da Fazenda estadual estão reunidos com representantes do Tesouro Nacional no Ministério da Fazenda, em Brasília. O encontro é para tratar da renegociação de parte de um acumulado de R$ 8,4 bilhões em dívidas que o Rio Grande do Sul tem com a União. 

    Os representantes do governo gaúcho tentam a renegociação de R$ 2,5 bilhões, parte da dívida que foi contratada com maiores juros e menores prazos. Eles tentam ampliar os prazos e reduzir os juros para aliviar as contas do Estado.

    Este montante está incluído nas chamadas dívidas extralimite, contraídas fora do contrato firmado de R$ 9 bilhões em 1998 que será beneficiado pela lei que recalcula os juros da parcela. Este se refere, principalmente, a empréstimos com bancos e instituições financeiras.

    Quanto à dívida maior, que tem bloqueado as contas do governo gaúcho por causa do não pagamento das parcelas, a União entrega hoje defesa ao Supremo Tribunal Federal (STF). O Piratini ingressou com ação pedindo que o bloqueio não seja realizado. Os ministros Joaquim Levy e Luis Inácio Adams vão defender o cumprimento do contrato.

    Gaúcha
     
    Comentários